Autor: Kamila Verde

Card Image

ūü•č Unindo Cora√ß√Ķes e Culturas: Atletas de Jiu-Jitsu Internacional Generosamente Doam Kimonos para Apoiar Pessoas com Defici√™ncia

Nós da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Macaé, estamos profundamente gratos e emocionados pela generosidade e solidariedade demonstradas pelos atletas de Jiu-Jitsu de todo o mundo, que se uniram para fazer a diferença na vida das pessoas com deficiência. Com corações cheios de compaixão e dedicação à causa, esses guerreiros do tatame transcenderam fronteiras geográficas para contribuir com nossa missão de oferecer um atendimento de excelência a quem mais precisa.

Nada poderia ser mais inspirador do que testemunhar a maneira como os atletas de Jiu-Jitsu, independentemente de suas origens e culturas, se uniram para apoiar nossa iniciativa. Os kimonos doados não são apenas peças de tecido, mas sim símbolos tangíveis de esperança, empoderamento e inclusão. Cada kimono representa um elo entre as habilidades marciais e a benevolência humana, conectando duas realidades aparentemente distintas, mas intrinsecamente ligadas.

Os gestos de bondade que recebemos não apenas fornecerão os recursos necessários para melhorar a qualidade de vida das pessoas com deficiência, mas também irradiarão uma mensagem poderosa de que o esporte, a compaixão e a solidariedade podem transcender barreiras físicas e culturais. Esses atletas de Jiu-Jitsu estão demonstrando que a empatia e a disposição de fazer a diferença são línguas universais que todos podemos entender e falar.

Cada kimono doado representa a transformação de vidas e a criação de oportunidades para que as pessoas com deficiência possam explorar sua própria força interior e alcançar novas alturas. Estamos dedicados a garantir que esses kimonos sejam uma fonte tangível de inspiração para todos aqueles que buscam superar desafios e conquistar suas metas, independentemente das limitações que possam enfrentar.

Gostaríamos de expressar nossa mais profunda gratidão a cada atleta de Jiu-Jitsu, principalmente ao mestre Rodrigo Milhorance, que, além de ter levantando a campanha de doações de kimono, tem desenvolvido um projeto inclusivo dentro e fora da nossa instituição, sem medir esforços, carinho e devoção ao trabalho voluntário e admirável às pessoas com deficiência que recebem atendimentos através da instituição. Seus gestos de altruísmo ressoam em nossos corações e nos lembram que, juntos, somos capazes de criar um mundo mais inclusivo e compassivo para todos. Continuaremos nossa missão com renovada determinação, inspirados pela generosidade que presenciamos e pelo impacto duradouro que essas doações trarão.

Em nome de todos nós da APAE Macaé, obrigado, atletas de Jiu-Jitsu, por estenderem suas mãos e compartilharem o espírito verdadeiro deste esporte - o espírito de respeito, cuidado e apoio mútuo. Unidos, estamos fazendo a diferença real na vida das pessoas com deficiência, criando um mundo onde cada indivíduo possa florescer e brilhar intensamente, independentemente das circunstâncias.

ūü•č Oss Steven Christopher, Ed Ramos, Tiago Santos e Rafael Bonon.

Descrição da imagem: Na foto, contém kimonos que foram doados para os usuários da APAE. Eles estão dobrados e empilhados um em cima do outro.

 

Siga-nos no instagram: https://www.instagram.com/apaemacae/

Assista ao vídeo do Rodrigo Milhorance falando sobre o Jiu-jitsu Inclusivo:  https://www.youtube.com/watch?v=8ziRkzxT6_E

Acompanhe o  Projeto Jiu-jitsu Inclusivo   realizado pelo mestre Rodrigo Milhorance:   https://www.instagram.com/jiujitsuinclusivomacaerj/